EVVO doa purificadores de ar à ONG Médecins du Monde para combater a COVID-19

A emergência do coronavírus está a encorajar a criatividade social e a solidariedade de muitas empresas. No nosso caso, vamos colaborar no projecto de solidariedade da Médecins du Monde, para equipar os seus centros sociais e de saúde com purificadores de ar. Os profissionais de saúde correm um elevado risco de contágio durante a realização do seu trabalho de saúde e são, de facto, um dos principais grupos afectados por esta doença.

O objectivo é proteger profissionais e pacientes através da desinfecção do ar nos centros de saúde utilizando purificadores de ar. EVVO.

Estes dispositivos são capazes de reter até 99,99% das partículas microscópicas transportadas pelo ar, tais como germes, vírus e bactérias. Eles são os mais utilizados em centros de pesquisa médica, indústrias farmacêuticas e de alta tecnologia devido ao seu alto nível de retenção e porque são uma das barreiras mais poderosas para impedir a transmissão do Covid-19 em espaços fechados. Segundo a OMS (Organização Mundial de Saúde), os aerossóis são uma das principais formas de transmissão de vírus ou bactérias. Isto torna os purificadores essenciais nos locais de trabalho, estabelecimentos médicos e educacionais.

O trabalho de Médecins du Monde nesta pandemia centra-se em três linhas de trabalho: a intervenção na emergência epidémica em Espanha, colaborando com a rede pública de hospitais, lares para idosos e outros centros de cuidados; o cuidado dos grupos mais vulneráveis em Espanha para aliviar os efeitos da Covid-19; e a resposta internacional nos países onde trabalha, reforçando os sistemas de saúde pública para fazer face a esta crise. Além desta intervenção de emergência, a organização médica de saúde trabalha com os grupos mais vulneráveis há mais de 30 anos.

Deixar um comentário